segunda-feira, 25 de julho de 2011

FELIZ ANIVERSÁRIO .

HOJE É O DIA MUITO ESPECIAL PARA ESTA GRANDE GUERREIRA!


PARABÉNS MINHA IRMÃ, COMPANHEIRA, AMIGA E MÃE.

quinta-feira, 21 de julho de 2011

ATÉ QUANDO...


Andre Valadao CLIPE ATE QUANDO

 53 vídeos 
684541 
   

A mais longa lista de pecados da Bíblia está relacionada à homossexualidade



Quando o homem desprezou o conhecimento de Deus e perverteu o culto divino, perdeu a sua identidade. O homossexualismo é uma negação total do mundo real. Refuta qualquer possibilidade de continuidade e ameaça a identidade da pessoa como fruto do relacionamento de um pai e uma mãe. Não podemos concordar com a bandeira levantada pela homofobia, quando os ativistas desse movimento afirmam que o homossexualismo é uma opção normal e que o casamento de pessoas do mesmo sexo é uma união de amor que deve ser chancelada pela lei de Deus e dos homens. Ao descrever o homossexualismo, Paulo aponta sete características desse pecado abominável:

1) imundícia (Rm 1.24);
2) desonra para o corpo (1.24);
3) paixão infame (1.26);
4) antinaturalidade (1.26);
5) contrariedade à natureza (1.26);
6) torpeza (1.28);
7) erro (1.28).
O apóstolo Paulo amplia a questão quando faz um diagnóstico sombrio da realidade que nos cerca. A decadência moral atinge todos os relacionamentos: com Deus, consigo próprio, com o próximo e com a família. Esta é a mais longa lista de pecados encontrada nas epístolas paulinas. Paulo faz uma lista de 21 pecados, que mostraremos agora:
  1. Cheios de injustiça – A palavra grega adikia significa roubar tanto aos homens como a Deus de seus direitos.
  2. Cheios de malícia – A palavra grega poneria se refere a uma maldade sedutora, maligna. Trata da pessoa que não apenas é má, mas procura arrastar os outros para sua maldade.
  3. Cheios de avareza – A palavra grega pleonexia é o desejo desenfreado que não conhece limites nem leis, o desejo insaciável de ter o que não lhe pertence por direito. É amor insaciável às possessões e aos prazeres ilícitos.
  4. Cheios de maldade – A palavra grega kakia descreve o homem desprovido de todo o bem. Trata-se da pessoa que tem inclinação para o pior. É o vício essencial que inclui todos os outros e do qual todos os outros procedem.
  5. Possuídos de inveja – A palavra grega fthonos descreve o terrível sentimento de sentir-se desconfortável com o sucesso dos outros, não só desejando o que lhe pertence, mas também alegrando-se com suas tragédias.
  6. Possuídos de homicídio – A palavra grega fonos se refere a desejo, intenção ou atitude de ferir o outro para tirar-lhe a vida. O assassino é também aquele que odeia a seu irmão (1Jo 3.15). O homem pode ver a ação, mas Deus conhece a intenção.
  7. Possuídos de contenda – A palavra grega eris diz respeito ao sentimento e à atitude daquele pessoa que é dominada pela inveja e por isso se torna facciosa e briguenta.
  8. Possuídos de dolo – A palavra grega dolos retrata a pessoa que não age da maneira reta, usando sempre métodos tortuosos e clandestinos para alguma vantagem. A palavra vem do verbo doloun usado para referir-se à falsificação de metais preciosos e a adulteração de vinhos.
  9. Possuídos de malignidade – A palavra grega kakoetheia descreve a pessoa que sempre supõe o pior acerca dos outros. É a pessoa que sempre vê as coisas pelo lado mais sombrio.
  10. Difamadores – A palavra grega psithyristes representa a pessoa que murmura suas histórias maliciosas de ouvido a ouvido.
  11. Caluniadores – A palavra grega katalalos refere-se a pessoa que proclama publicamente suas infâmias.
  12. Aborrecidos de Deus – A palavra grega theostygeis retrata o homem que odeia a Deus, porque sabe que Deus é estorvo em seu caminho de licenciosidade. De bom grado eliminaria Deus se pudesse, pois para ele o mundo sem Deus lhe abriria o caminho para o pecado.
  13. Insolentes – A palavra grega hybristes retrata a pessoa altiva, soberba, sadicamente cruel, que encontra prazer em prejudicar o próximo.
  14. Soberbos – A palavra grega hyperefanos descreve a pessoa que está cheia de si mesma como um balão cheio de vento. Este é o ponto culminante de todos os pecados. Trata-se de quem despreza todos, exceto a si mesmo, e tem prazer em rebaixar e humilhar os outros.
  15. Presunçosos – A palavra grega alazon descreve a pessoa que pensa de si mesma além do que convém e exalta a si mesma acima da medida. Diz respeito a quem pretende ter o que não tem, saber o que não sabe e jacta-se de grandes negócios que só existem em sua imaginação.
  16. Inventores de males – As palavras gregas efeuretes kakon retratam aquelas pessoas que buscam novas formas de pecar, novos recônditos nos vícios, porque estão enfastiadas e sempre à procura de novas emoções em alguma fora diferente de transgressão.
  17. Desobedientes aos pais – As palavras gregas goneusin apeitheis se referem àquela atitude dos filhos de sacudir o jugo da obediência aos pais. Trata-se de filhos rebeldes e irreverentes.
  18. Insensatos – A palavra grega asynetos descreve o homem que é incapaz de aprender as lições da experiência. Trata-se da pessoa culpada de grande sandice, que se recusa a usar a mente e o cérebro que Deus lhe deu.
  19. Pérfidos – A palavra grega asynthetos descreve a pessoa que não é confiável. É aquele desonesto em quem não se pode confiar.
  20. Sem afeição natural – A palavra grega astorgos significa sem amor à família. Trata do desamor dos pais aos filhos e dos filhos aos pais. É a falta de afeto entre os irmãos de sangue. A prática abusiva de abortos e os crimes familiares apontam para a gravidade desse pecado em nossos dias.
  21. Sem misericórdia – A palavra grega aneleemon retrata a pessoa implacável, sem piedade, que fere e mata o outro sem compaixão.
Conclusão
Depois de descrever com cores fortes e vividas o estado de decadência da sociedade, Paulo faz duas afirmações ainda mais chocantes:
1) Os homens pecam conscientemente. “Ora conhecendo eles a sentença de Deus, de que são passíveis de morte os que tais coisas praticam não somente as fazer…” (Rm 1.32ª). As pessoas agem sabendo que estão agindo errado. Elas sufocam a verdade, abafam a voz da consciência, mas no íntimo sabem que aquilo que praticam é um ato de rebeldia contra Deus e passível de punição.
2) Os homens aplaudem os que praticam as mesmas coisas. “…mas também aprovam os que assim procedem” (Rm 1.32b). Amados vejam a atualidade das Escrituras. Não foi exatamente isto que o STF fez esta semana? A sociedade se mostra orgulhosa e até entusiasmada pelo pecado. O nível mais baixo da degradação moral de uma sociedade é quando ela não apenas pratica o mal, mas também o incentiva e aplaude. Esse é o clímax da perversidade. É isso que vemos todos os dias na televisão, nos outros meios de comunicação e o pior de tudo, no “guardião” da Constituição Federal – o STF.
O Eterno tenha misericórdia de nós.
Bibliografia: Wiersbe, Warren. Comentário Expositivo. Geográfica Editora, Rienecker, Fritz; Rogers, Cleon. Chave lingüística do NT; Lopes, Hernandes Dias. Romanos. Ed. Hagnos; Barclay, William. Romanos, p. 45-51.
Para você que está numa vida cheia de pecados e quer alívio e salvação para sua alma, clique aqui.

Pastor que criou programa cristão para celular entra na lista dos mais criativos do mundo

Pastor que criou programa cristão para celular entra na lista dos mais criativos do mundo
Um dos criadores da Bíblia YouVersion foi nomeado uma das 100 pessoas mais criativas em Negócios.
O pastor da LifeChurch e líder de Inovação Bobby Gruenewald entrou na lista deste ano por criar um aplicativo YouVersion, o qual “reproduz a Bíblia para a era digital, permitindo aos usuários gravar reflexões, escolher planos de leitura, e compartilhar passagens online,” de acordo com a Fast Company.
Também na lista de 2011 da revista estão Conana O’Brien, Ariana Huffington, Oprah Winfrey, Tina Fey e Ryan Seacrest.
Gruenewald é o n º 97 da lista.
Desde o seu lançamento em 2008, a aplicação YouVersion acumulou mais de 22 milhões de downloads e se tornou a aplicação de Bíblia n º 1 em downloads hoje.
“Estamos apaixonados pela Bíblia. A razão pela qual nós criamos a YouVersion foi porque pensamos que poderíamos usar a tecnologia de hoje mesmo a tecnologia de amanhã para ajudar as pessoas a se engajarem na Bíblia,” Guruenewald disse em uma transmissão pela web comemorando o marco na semana passada.
“O que temos visto acontecer é simplesmente incrível.”
Atualmente, a YouVersion está disponível em 113 traduções e 41 idiomas. A aplicação pode ser baixada gratuitamente.
Gruenewald disse que ele espera aumentar o número de usuários, ampliando o número de idiomas oferecidos. Mais de 25 por cento dos usuários de YouVersion tem seus smartphones configurados em outro idioma que não é o Inglês, e o Coreano é o idioma que mais cresce.
“Nós realmente acreditamos que agora é possível não apenas ver 10 milhões ou 20 milhões instalarem isso em seus celulares. Mas acreditamos que agora é possível ver um bilhão de pessoas se engajarem na palavra de Deus,” disse o pastor de Oklahoma.
Ele continuou: “Acredito que vivemos em uma geração que está realmente buscando a verdade, e querendo saber o que é a verdade. A Bíblia, acreditamos, representa a verdade para as nossas vidas.”
Em uma recente entrevista com o The Christian Post, Gruenewald compartilhou que, mesmo que ele e sua equipe na LifeChurch, fundada por Craig Groeschel, começaram a ler a Bíblia mais através de YouVersion.
Ele acredita que a YouVersion irá ajudar a desencadear uma “revolução de engajemento da Bíblia,” conduzindo à uma geração mais biblicamente engajada já vista.